Treinamento Total (Parte 4)

05/09/2018 15:25

INICIANDO SEU PROGRAMA DE EXERCÍCIOS

            Antes de iniciar qualquer programa de exercícios, independente da sua condição física, é importante uma avaliação médica e física. Se a sua história familiar apresenta problemas cardíacos, é importante uma avaliação médica mais detalhada.

COMO FICAR MOTIVADO

            É fácil começar um programa de exercícios; difícil é continuar esse programa. De fato, metade de todas as pessoas que começam um programa de exercícios param seis meses depois. O único caminho para manter o programa por mais tempo (o mesmo se aplica à nutrição) é incorporar o exercício dentro da sua rotina diária. Tente fazer com que o exercício faça parte da sua vida, e da vida de sua família.

"Faça com a multidão ou sozinho, mas faça. Não importam os meios"

(Rock Marciano)

COMEÇANDO DEVAGAR

            O maior erro das pessoas que iniciam um programa físico é querer sobrecarregar o corpo. Lembre-se, o exercício não deve ser doloroso ou um sofrimento na sua vida. O exercício deve fazer você sentir-se bem, promovendo uma espécie de oásis. Comece exercitando o corpo devagar, desenvolvendo gradualmente a tolerância ao exercício.

            Lembre- se de que 20 a 60 minutos, 3 vezes por semana, é tudo que você precisa significativamente para melhorar sua condição física e de saúde.

TENHA ALEGRIA

            Escolha uma atividade física e aproveite o máximo dela. Exercícios com um companheiro, com amigos em comum, escutando música enquanto você se exercita na academia, na rua ou em casa, o importante é fazer a atividade com prazer. Sempre digo que o melhor exercício físico que existe, é aquela que você gosta.

SENDO REALISTA

            Muitos de nós não terão o corpo esculpido como os modelos de revista, como personagens de vídeos de exercícios; ou seja, o corpo esculpido no estereótipo atual. Não fique desencorajado, compare você com você mesmo e observe os resultados positivos dos exercícios.

ESCUTANDO O SEU CORPO

            Lesões podem descarrilar seu programa de exercícios; portanto, o melhor a fazer é evitar que isso ocorra. Você pode evitar danos ao corpo fazendo um aquecimento antes de uma sessão de exercícios.  Nunca faça exercícios sentindo dor. Dor, inchaço, sensibilidade ou vermelhidão da pele são sinais que o corpo tem de parar. O descanso, evitando os exercícios que causem algum sinal citado anteriormente, é a chave da recuperação.

SENDO TOLERANTE

            Aprenda a assumir seus próprios desafios e imperfeições. Se você perder uma ou duas sessões de exercício, não desanime. Defina os objetivos e desafios a serem alcançados e mantenha-se alegre nesta busca. Tenha certeza de que os seus objetivos são flexíveis e que você pode ajustá-los de acordo com as eventualidades. A cada 3 meses, reveja e revise os seus maiores e menores objetivos. Eventualmente você pode alcançar um platô e para ganhar uma forma física melhor, será necessário, algumas vezes, um maior investimento e alguns novos recursos de treino, ou mais tempo. Lembre-se, manter seu condicionamento físico é importante e você colherá vários benefícios. Você tem de decidir o quanto quer, para obter um maior nível de aptidão física.

 Até mais.

Prof. Dr. Roberto Simão

- Professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Compartilhe:
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
Categorias: